Sindpol/MG na luta pela Segurança e Saúde dos servidores da PCMG

28 de abril de 2021

Dia 28 de abril é celebrado o Dia Mundial da Segurança e Saúde no Trabalho, mas diante do cenário atual, os policiais civis mineiros não estão se sentindo seguros e nem saudáveis na atuação de seus trabalhos em defesa da população.

Neste período pandêmico, mesmo com todos os cuidados e adaptações na prevenção do contágio do coronavírus, os servidores da segurança pública do Estado estão sob risco, constantemente, de se infectarem e levarem o vírus aos próprios familiares.

O Sindpol/MG está indignado com o caminhar lento da vacinação à categoria, que está na linha de frente nos trabalhos às ruas, nas delegacias, no atendimento ao público, serviços que não podem ser feitos home office e em lugares propensos a aglomerações, porque vem lutando diuturnamente para a agilidade da imunização de todos os policiais civis.

Fomos noticiados de muitos casos confirmados de COVID-19 dentro da classe e estamos muito tristes diante das vidas perdidas de colegas policiais civis, vítimas do vírus, conforme vem sendo divulgado através das nossas várias notas de pesar, nos últimos meses.

É revoltante aceitar o descaso do Governo que não antecipou a vacinação aos policiais civis, desde o princípio. Mesmo sendo considerado “prioridade”, não houve um planejamento, não teve uma antecipada distribuição das doses direcionado a eles e, somente agora, estão sendo aplicados em algumas cidades, só em policiais plantonistas. Esse atraso está custando vidas.

O sindicato não se contenta até que todos os policiais civis de Minas Gerais sejam imunizados. Você, policial civil, pode contar com o Sindpol/MG na atuação de sua questão. Nos relatem como estão as distribuições das vacinas contra o COVID-19 na sua regional, através do nosso site pelo Fale Conosco, telefone (31) 2138-9898 ou e-mail [email protected] que estamos em contato direto com a Chefia da PCMG.

X