Em Santa Catarina, PLC sobre reajuste salarial para a Segurança Pública é aprovado, e em Minas?

18 de novembro de 2021
Foto: Divulgação/ SC Hoje

Assembleia Legislativa de Santa Catarina aprovou, nesta terça-feira (11), por unanimidade, o Projeto de Lei Complementar 12/2021, que trata do reajuste salarial dos servidores da Segurança Pública.

Leia a matéria do Portal SC Hoje

O governador Romeu Zema deveria seguir o exemplo do governo de Santa Catarina, que enviou um Projeto de Lei Complementar para a Assembleia Legislativa, com o reajuste salarial das Forças de Segurança Pública do Estado, onde o mesmo foi aprovado no dia 16/11. Mas aqui, Romeu Zema faz o contrário. Nem as perdas inflacionárias ele quer pagar e ainda mente, condicionando as perdas inflacionárias, que não é reajuste salarial, à aprovação do Regime de Recuperação Fiscal.

“Os servidores da Segurança Pública de Minas Gerais estão há anos sem receber reajuste salarial. A Polícia Civil de Minas Gerais está em 24º no ranking salarial do Brasil, ou seja, o 4º pior salário entre as polícias civis”, disse José Maria de Paula “Cachimbinho”, presidente do Sindpol/MG.

“Quando percorremos as delegacias da capital e interior, constatamos um sucateamento das mesmas, conforme o Sindpol/MG já denunciou diversas vezes. Então, fica a pergunta, o governador Zema já visitou as delegacias do Estado? Ele já sentou com as entidades de classe da Segurança Pública para entender as necessidades dos policiais? A resposta para as duas perguntas é NÃO”, afirmou Wemerson Oliveira, assessor do Sindpol/MG.

Com essa atitude, o governador Romeu Zema prejudica não só os policiais, como toda a sociedade. Temos sucateamento da estrutura física da instituição, abandono do material humano, ou seja, dos policiais, que estão com os salários defasados, como dito acima, o 4º pior salário entre as policiais do Brasil. Além da falta de efetivo, o mesmo, para o cargo de investigador de polícia, abriu concurso para apenas 30 vagas, sendo que o déficit ultrapassa os 50%. Isso demonstra que o governador Zema não está preocupado com a Segurança Pública de Minas Gerais.

X