Ministro da Justiça recebe representantes da Cobrapol e discute pauta reivindicatória das Polícias Civis.

Ministro da Justiça recebe representantes da Cobrapol e discute pauta reivindicatória das Polícias Civis

Em reunião nesta quinta-feira (8), no Ministério da Justiça, a direção da Cobrapol apresentou ao governo as demandas dos policiais civis de todo o país. A criação do Piso Salarial Nacional e de uma Carreira Única de Polícia foram alguns dos assuntos abordados na reunião.
   
O Ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, adiantou que a aprovação este ano do piso – que hoje tramita na Câmara dos Deputados na forma da Emenda Aglutinativa nº 2 (PECs 446/300) – será muito difícil, visto que as Forças Armadas estão pleiteando a mesma reivindicação, o que por hora inviabiliza o seu atendimento.
  

Já no que se refere à aprovação da Lei Orgânica, Cardozo se mostrou bastante otimista. A expectativa é que a matéria seja discutida até julho.
   
A direção da Cobrapol avaliou como positiva a reunião com o ministro, mas fará uma reunião interna para definir os rumos do movimento a partir de agora.
  
O presidente da Confederação, Jânio Bosco Gandra, lembra que ainda serão realizadas assembleias nos Estados no dia 16 de março para ratificar o indicativo de greve para o dia 16 de abril.

Ponto a ser destacado nesta importante reunião, foi a presença de todas as lideranças nacionais das diversas classes da Polícia Civil em todo o Brasil, como a Adepol Brasil-Associação dos Delegados do Brasil-, ABC- Associação Brasileira de Criminalística-, e Associação Nacional de papiloscopistas, além, é claro, da Cobrapol, que teve o mérito de convidar todas estas lidernças para, em consenso, buscar um caminho unificado perante o Ministério da Justiça e Governo Federal.

 

Fonte: cobrapol.org.br

X