Luta pelo IPSEMG: Coordenação Intersindical se une e mobiliza contra fechamento de agências do IPSEMG em Unaí e demais cidades do interior de Minas.

Luta pelo IPSEMG: Coordenação Intersindical se une e mobiliza contra fechamento de agências do  IPSEMG em Unaí e demais cidades do interior de Minas


Na tarde dessa quarta-feira 14/03/13 conforme convocação, os sindicatos representados pela Coordenação Intersindical do Serviço Público de Minas Gerais, se reuniram e debateram assuntos polêmicos de interesse comum de todos os dirigentes sindicais do serviço público estadual em geral.

Dentre esses assuntos o de maior destaque que cousou maior polemica foi à ameaça de fechamento da agencia regional do IPSEMG em Unaí a partir da próxima segunda-feira dia 18/03. O tema cousou revolta e indignação em todos os servidores que também ponderam o estado de sucateamento do órgão que têm sido engendrados de forma sistemática em outras localidades como, por exemplo, Montes Claros, Juiz de Fora, Teófilo Otoni e regiões muito populosas e de alta densidade do serviço público estadual como o Triângulo Mineiro Sul de Minas.

As reclamações também foram intensas no tocante as deficiências e precariedades no atendimento no CEM (Centro de Especialidade Médica) e Hospital de Previdência HJIP.  Também foi debatido o descumprimento de promessa do governo em aumentar o repasse e contrapartida no financiamento do IPSEMG, onde somente os servidores se responsabilizam em arcar pela quase totalidade do financiamento do instituto na proporção de 3,2% de sua remuneração, enquanto o governo só aplica 1,6%, e exerce a direção total o órgão.

                Os dirigentes deliberaram pelo rechaço e veto total à medida extrema do governo em fechar a agencia de Unaí no próximo dia 18/03 e deliberaram pela elaboração e protocolo imediato de oficio repudiando a referida medida, oficio este encaminhado à SEPLAG e
à direção do IPSEMG. Deliberam também pela interposição de ação cível publica proposta pelo escritório do Dr. Cezar Brito e Dr. Bruno Reis de Figueiredo (procuradores do SINDPOL/MG), para que tempestivamente o direito ao atendimento médico seja garantido a todos os beneficiários do IPSEMG, caso o governo insista na ideia de fechamento abusivo e arbitrário  dessas unidades .

Ação jurídica eficaz:

           Na manhã dessa quinta-feira os coordenadores do movimento mais uma vez, reuniram com corpo jurídico para maiores detalhes da elaboração e encaminhamento da peça jurídica. A coordenação intersindical mesmo com a execução dessas medidas, também deliberou que não esta afastada a realização de manifestações públicas, passeatas ou até mesmo a deflagração de um movimento paredista geral por tempo indeterminado caso o governo não volte atrás em sua intenção.

 

Veja oficio.

X