Sindpol/MG participa de Audiência Pública na ALMG

4 de outubro de 2019

Representando o presidente do Sindpol/MG José Maria de Paula “Cachimbinho”, o assessor do sindicato Wemerson Silva de Oliveira, participou na manhã de hoje (02/10), da Audiência Pública, realizada pela Comissão de Segurança Pública, na Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG).

A audiência teve como objetivo discutir sobre o aumento do índice de suicídio entre os servidores da segurança pública em Minas Gerais, e de acordo com o deputado estadual Sargento Rodrigues, esta é a primeira audiência pública realizada para debaterem sobre o tema.

Os representantes das entidades de classe da Segurança pública (Policias Civil e Militar, Bombeiro Militar, Agente Penitenciário e Socioeducativo), pontuaram alguns fatos que levam o policial à cometer o autoextermínio, como falta de apoio dentro das próprias corporações, falta de efetivo, parcelamento do salário, pressão por meio da mídia, dentre outras coisas.

O assessor do sindicato ponderou sobre os problemas que os policiais civis enfrentam no dia a dia, como sobrecarga de trabalho, falta de efetivo e de equipamento, e que muitas das vezes isso acaba levando o policial à depressão e até mesmo a cometer o suicídio. Ele falou ainda sobre a parceria que o Sindpol/MG fechou com a UNIMED para que os filiados tenham um bom plano de saúde, já que nem sempre os policias conseguem ser atendidos no IPSEMG.

Naraí Paulino, médica legista da PCMG, que representou o Chefe da Polícia Civil Dr. Wagner Pinto de Souza, disse que os problemas de todas as instituições são praticamente os mesmos, e que a proposta do chefe da PCMG é que fosse criado uma política de segurança pública, e que a saúde do Policial Civil é dever da casa.

 

X