Nota de Repúdio

1 de julho de 2021

O SINDPOL/MG vem a público rechaçar mais uma fala maliciosa do Governador do Estado, Romeu Zema, deixando a entender que os policiais civis são corruptos. Dessa vez, foi quando dava uma entrevista a respeito de sua obsessão pela retirada do Detran da estrutura da Polícia Civil, a uma rádio de grande audiência do Estado de Minas Gerais, quando disse que o Detran é burocrático, lerdo e muitas vezes corrupto, que é o maior problema de todos.

Modernizar o Estado é preciso, inclusive com investimentos na Polícia Civil, que está com uma defasagem em torno de 50% de pessoal, delegacias e viaturas em péssimo estado, locais totalmente insalubres, falta de materiais básicos para a execução do serviço ordinário, sem recomposição das perdas inflacionárias, sem as promoções e progressões e sem o pagamento das férias-prêmio dos aposentados e de uma série de direitos, e ainda taxados com uma alíquota previdenciária exorbitante, que corrói praticamente todo o salário do policial. É um desrespeito com profissionais que estão trabalhando diuturnamente em época de pandemia, investigando, apurando crimes 24h por dia, sem qualquer valorização por parte desse governo.

Governador, pense em suas palavras como Chefe do Executivo de Minas Gerais, pois a Polícia Civil é permanente, e seu cargo é transitório.

O SINDPOL/MG informa a todos os policiais civis que tomará todas as providências cabíveis que o caso exige, inclusive judiciais. Não aceitaremos esse tratamento desrespeitoso!

X