Governo de Minas anuncia vacinação das Forças de Segurança Pública, mas sem definição de datas

31 de março de 2021

Com novas falas vagas, assim como o ex. Ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, o governador Romeu Zema, publicou nas redes sociais, nesta quarta-feira (31/3), a vacinação das Forças da Segurança Pública, porém sem definição de datas.

Na nota, o governador diz, “Conseguimos! O pedido que fiz, e que teve apoio de vários outros colegas, para que houvesse a vacinação das Forças de Segurança, foi atendido pelo Ministério da Saúde. Acabo de receber a informação de que esse grupo será vacinado, de forma escalonada, já na entrega dos próximos lotes de vacinas. Sigo trabalhando para que as vacinas cheguem com agilidade para todos os mineiros. Juntos, vamos prevalecer!”

Novamente ficamos sem definição, pois, quando serão esses próximos lotes? Ele não fala como será essa vacinação de forma escalonada, não divulgou nenhum cronograma. “Desde o início temos batalhado junto aos governos Federal, Estadual e municipais, pela vacinação imediata dos policiais civis, pois somos linha de frente no combate à criminalidade e a pandemia, nosso trabalho não é possível ser realizado home office. Muitos policiais morreram da Covid-19, e o Governo do Estado ainda não divulgou a quantidade de policiais civis infectados e mortos pela doença. Os governos do Pará, Amazonas, Rio de Janeiro, Distrito Federal, Bahia, já anunciaram a data de vacinação dos policiais civis e Minas Gerais ainda não”, afirmou Wemerson Oliveira, assessor do Sindpol/MG e diretor da Feipol/SE.

O presidente do Sindpol/MG José Maria de Paula “Cachimbinho” afirmou que o sindicato vai continuar cobrando do Governo de Minas a vacinação imediata dos policiais civis. “Precisamos da definição de datas, estamos perdendo policiais para essa doença”, disse.

Tão logo tenhamos um novo posicionamento do Governo de Minas iremos divulgar.

X