Direção do SINDPOL\MG realiza inspeção sindical em Betim e constata irregularidades, tais como a custódia e escolta de menores infratores.

Direção do SINDPOL\MG realiza inspeção sindical em Betim e constata irregularidades, tais como a custódia e escolta de menores infratores
 

O dia da direção do SINDPOL\MG foi bastante corrido e dinâmico.  Pela manhã foi realizada diligência até a Regional de Betim para levantamentos de denúncias e reclamações dos policiais acerca de irregularidades como custódia e escolta de menores infratores, atividades impróprias para policiais civis, e que muito tem onerado o policiamento e comprometido o serviço de investigação, uma vez que esses servidores são desviados de suas funções, principalmente nas unidades do 2º DP no bairro PTB e 1º DP, no bairro Teresópolis. A direção do SINDPOL\MG esteve em “in loco” nestas unidades e pôde constatar, além da precariedade e da carência de efetivo, esse desvio de função, com destaque para superlotação e impropriedade de celas, que abriga 8 menores, e já houve ocasião em que chegou a abrigar 22.

A situação no município de Betim, denunciada pelos policiais, não é nova e vem se arrastando há muito tempo, por questões locais e ingerências impostas por grupos que não permitem a construção de um centro de acolhimento de menores infratores. Por outro lado vem a omissão da SUAPI e SEDS, que não tomam as medidas cabíveis a seus cargos e terminam por onerarem a tão combalida Polícia Civil, que a todos servem, porém nunca há recursos para se investir.

A direção do SINDPOL\MG já está intervindo junto à Chefia de Polícia e ao Poder Judiciário para busca de soluções. Em contato com a Deputada Maria Tereza Lara, majoritária naquele município e membro da Comissão de Segurança Pública, a direção do SINDPOL\MG já iniciou uma frente de trabalho que passa pelo parlamento para solução desse grave problema.

 

X