Direção da Cobrapol se reúne com Ministro da Justiça e conserta distorções inseridas indevidamente no Projeto de Lei Geral

Direção da Cobrapol se reúne com Ministro da Justiça e conserta distorções inseridas indevidamente no Projeto de Lei Geral

Conforme foi informado ontem (13), a direção da Cobrapol e demais lideranças nacionais, de representação dos policiais civis, se reuniram nesta tarde com o Ministro da Justiça, Dr. José Eduardo Cardozo, e apresentaram a insatisfação de toda a base com o inconveniente e infeliz ocorrido, no qual dispositivos indevidos e corporativistas foram inseridos no texto da Lei Geral, sem o conhecimento do conjunto das lideranças, fugindo do texto proposto sob consenso das entidades. O ministro informou que este incidente ocorreu no percurso entre o envio da matéria do Ministério à Presidência da República, mas que, uma vez detectado já está sendo corrigido com o acompanhamento da Cobrapol e demais entidades. Esclareceu ainda que a intenção da presidência da república e do ministério é de aprovar o texto ainda neste semestre, restabelecendo assim a tranquilidade na base dos policiais judiciários de todos os Estados.

O presidente Gandra, juntamente com o presidente Denílson Martins e demais dirigentes de entidades sindicais dos estados, estarão acompanhando de perto todos os passos desta tramitação, na Câmara Federal e no Senado, até o sansão pela presidente da República.

A lei geral das polícias é um desejo e um anseio antigo de todos os policiais civis do Brasil e não pode ser obstado por sentimentos e intenções menores, escusos ao interesse coletivo, pois segurança e polícia são coisas sérias.

X