Coerência Sindical: Direção regional do SINDPOL/MG Zona da Mata, resgata documentos históricos aonde comprovam que as conquistas de hoje são lutas iniciadas no passado.

Coerência Sindical:  Direção regional do SINDPOL/MG Zona da Mata, resgata documentos históricos aonde comprovam que as conquistas de hoje são lutas iniciadas no passado.

O Diretor Regional Zona da Mata Dr. Marcelo Armstrong – Delegado de Polícia, apresentou ontem ao Presidente Denílson Martins, documentos históricos que comprovam para todos a coerência do sindicalismo desenvolvido pelo Sindpol, demonstrando que as conquistas de hoje são frutos de lutas travadas e desenvolvidas no passado. Em uma ata de 2003, quando ainda a Diretora regional de Juiz de fora era a sua irmã, a escrivã Márcia Valéria da Silva, de saudosa memória, as premissas como: – promoção automática pelo menos a cada 10 anos; – promoção para nível especial de identificadores;  – extinção da função de guarda de preso; – construção da Casa de Custódia do policial; – transformação de cargos de Carcereiros e Detetives; – 40 horas semanais;  – adicional de insalubridade e periculosidade; dentre outros benefícios, já eram perseguidos pela Direção do Sindpol, no início dessa gestão, ou seja, sem lutas não há conquistas.

Veja esse importante documento, que faz parte do acervo histórico do SINDPOL/MG, que nos ajuda a conhecer o passado, nos fortalece no presente e nos projeta no futuro.

 

X