Policiais invadem a Câmara em protesto contra a reforma da Previdência

18 de abril de 2017

Protesto de policiais civis contra a reforma da Previdência provoca tumulto e quebra-quebra no prédio do Congresso Nacional nesta terça-feira, 18. Eles tentaram entrar no prédio da Câmara dos Deputados pela chapelaria – um dos principais acessos de parlamentares, imprensa e público em geral.

O acesso do grupo ao prédio foi impedido pela segurança legislativa e o confronto teve início com a presença, inclusive, da tropa de choque. Foram lançadas bombas de gás lacrimogênio, gás de pimenta, muitas pessoas estão passando mal e os manifestantes quebraram os vidros da chapelaria.

O acesso ao prédio do Senado foi trancado e o plenário da Câmara dos Deputados, onde está prevista a votação na tarde de hoje do projeto de recuperação fiscal dos Estados, também foi fechado.

Fonte: O Tempo

Veja a repercussão na imprensa brasileira

Estado de Minas

Ato de policiais contra reforma da Previdência termina em tumulto no Congresso

Hoje em Dia

Protesto de policiais contra reforma causa quebra-quebra na Câmara

G1

Ato de policiais termina em tumulto no Congresso Nacional

Folha de São Paulo

Sindicalistas da polícia invadem Congresso em protesto contra reforma

Estadão

Ato de policiais contra reforma da Previdência gera quebra-quebra no Congresso

Carta Capital

Contra reforma da Previdência, policiais tentam invadir a Câmara

 

X