Conforme pactuado – Governo publica grupo de trabalho específico para formatar projeto de readequação e reestruturação da carreira de investigador

30 de agosto de 2016
Reunião do grupo de trabalho, na Cidade Administrativa, em 8/7/2016

Foi publicado no Diário Oficial, dessa terça-feira (30/08), a resolução conjunta da Seplag e da chefia de polícia, instituindo um grupo de trabalho específico para a tratativa da reestruturação e readequação da carreira de investigador de polícia, conforme reivindicação do Sindpol/MG.

Essa medida vem de encontro aos primeiros movimentos da categoria policial, representada pelo Sindpol/MG, junto ao governo Pimentel, que desde a campanha eleitoral se comprometeu em reestruturar toda a instituição Polícia Civil, especialmente, reconhecendo a especificidade do 3º grau dos investigadores. De lá para cá, muitos desencontros ocorreram, sobretudo em razão do desequilíbrio financeiro e orçamentário do Estado, sempre justificado pelo Governo. Outro empecilho, foram as múltiplas pautas de reivindicação, pelas várias entidades de representação da PCMG, o que causou contradições e atrasos na convergência de um só projeto, eclodindo ali várias teses que distanciavam da solicitação inaugural. Esses foram os motivos que levaram a direção do Sindpol/MG, após ouvir a sua categoria, a se retirar do “grupão de trabalho”, decidindo também em prosseguir nas pressões e negociações pela pauta específica do sindicato (readequação, reestruturação e recomposição dos quadros de investigadores).

Com essa nomeação a direção do Sindpol/MG espera que tenha maior celeridade para a elaboração do projeto final dessa matéria, principalmente sob a condução do novo chefe da Polícia Civil, Dr. João Otacílio e seu novo Conselho Superior de Polícia, cuja configuração tem mais proximidade com as bandeiras defendidas pelo Sindpol/MG.

A direção do sindicato já está se reunindo com vários membros da Administração Superior e também do Governo, no sentido de se construir um consenso e um convencimento a respeito da importância dessa readequação, não só para a Polícia e seus operadores, mas sim, para a sociedade como um todo.

A publicação desse grupo de trabalho específico é mais do que uma reivindicação atendida, mas sim uma conquista da direção do Sindpol/MG, que teve a acertada decisão de se afastar no momento certo, daquela primeira configuração de grupo, e tencionar no momento que foi necessário, e também de retomar o diálogo na oportunidade que foi possibilitado, essas são ações que tornam possível atender as pretensões da categoria.

É o Sindpol/MG na luta pela valorização da categoria, atuando em vários âmbitos e de todas as formas.

Veja matérias relacionadas ao grupo de trabalho em 2016.

X